Postagens

Mostrando postagens de Abril 6, 2014

Sem verde, Belém fica quente e poluida

Imagem
PESQUISA: Samilla Batista Da Redação ................................................................. Um estudo inédito mensura em números o que já é uma evidência empírica em Belém: a Cidade das Mangueiras perde áreas verdes de forma acelerada, o que provoca aumento da temperatura média e o acréscimo de mais de uma tonelada de agentes poluentes no ar. A pesquisa consiste na dissertação de mestrado da pesquisadora Roberta de Carvalho, que mostra a perda gradativa das áreas verdes em 21 bairros da capital paraense, entre os anos de 1986 a 2009. Além disso, aponta as consequências da devastação na vida dos cidadãos, especialmente no que se refere à poluição do ar e sonora e às mudanças climáticas. Entre os inúmeros dados apresentados, é possível observar que bairros como Telégrafo, Sacramenta e Pedreira foram os que mais sofreram com a devastação das áreas verdes, principalmente devido à expansão da construção civil nos locais. Nesses bairro…